Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante

 

Eu curti muito Raul na adolecência, foram as primeiras músicas que aprendi a tocar, depois acabei vendo o caminho que o pobre tomou, nas seitas que entrou, nas frias que andou, mas a obra do cara é proporcional aos seus problemas, tal qual um outro senhor Renato que fez tudo ficar Russo (trocadalho do carilho né?).

Nada definine tão bem a minha constância na vida, e a sequencia também vale, embora eu não goste de admitir “do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo”. Achar sabedoria em música pop é complicado, mas eu sei bem quem sou graças a Deus, não sei bem o que quero as vezes, nem como quero, mas como disse o filtro solar “alguns dos quarentões mais interessantes que eu conheço também não sabem”. Os poucos que realmente lêem este blog (visita tem muita) sabem do que eu estou falando, cada dia eu quero uma coisa de um jeito, e vai ser assim sempre, porque sempre foi assim. Acostumem-se!

Talvez você ache tudo isso muito confuso, mas não é! Eu sempre fui referência a todos com que convivi, tanto de vida, quanto de trabalho, sentimental, etc. Não a toa eu gosto tanto do Pergunte ao urso.

É importante eu comunicar isso aos meus leitores (todos os 3) que eu sou assim para que não fiquem confusos, principalmente com os post que virão e que farão tudo ficar diferente.  Um bom amigo avisou, que o fato de eu ter tantos assuntos e postar minhas colunas de forma tão inconstante iria prejudicar o crescimento do blog. Concordei com ele, mas continuei do mesmo jeito. Eu até me seduzo com os contadores, não vou mentir, é bom saber que estão gostando do que eu faço, mas eu vou fazer o que vim fazer, o blog vai servir ao meu propósito e não o contrário.

Se você ainda está lendo este post provavelmente deve estar pensando: o que serão estas tais matérias que esse homem tanto fala e que ele faz parecer o fim do mundo? Bom logo você vai descobrir, mas aqui entre nós, você não ficaria nem um pouco apreensivo de colocar seus credos e sentimentos mais pessoais para todos baterem? Vida boa é de pedra, se vidraça é dureza.

Fiquem com Deus e tenham paciência, as tais colunas virão e virão em partes. Leiam e reflitam com carinho, deixem seus comentários prós ou contrás tanto faz, mas com educação e portugues decentes, miguxes eu mando para lua na mesma hora.

By: E.C.

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: