Reflexão do dia…

Uma senhora comprou um mercedes último tipo e orgulhosamente saiu da concessionária dirigindo-o. No meio do caminho, ela tentou mudar as estações do rádio do carro e não conseguia de jeito nenhum. Deu meia volta e retornou à loja de automóveis. Chegando, foi reclamar com o vendedor que havia lhe atendido, o qual imediatamente se desculpou:

– Calma minha senhora! É que esqueci de lhe contar que este é um rádio japonês automatizado. Para ativá-lo, é só usar o tom de voz pedindo o gênero musical. Por exemplo: Música sacra!

E o rádio:

– ” Erguei as mãos ….”

O vendedor prosseguiu:

– Outro exemplo: Axé music:

E o rádio:

– “Segura o Tchan ….”

A mulher ficou maravilhada com a tecnologia, pediu desculpas e saiu dirigindo satisfeita. No meio do caminho, diz:

– “Rock and Roll”!

E entra uma música dos Rolling Stones. De repente, um carro vem que nem louco na contramão e quase bate no mercedes novinho da madame, que num reflexo ligeiro tira o carrão do caminho salvando-se da batida certa. Passando o perigo, ela vira pra trás grita:

– FILHO DA P(*) !

No mesmo instante a música do rádio é interrompida pela seguinte mensagem:

– “Interrompemos nossa programação para ouvir um pronunciamento do Excelentissimo senhor Presidente da República …”

 Outra mais profunda que o verbo cavar…

O cara acorda com a mãe de todas as ressacas, vira-se e ao lado da cama há um copo de água e duas aspirinas. Olha em volta e vê sua roupa passada e pendurada. O quarto está em perfeita ordem. Há um bilhete de sua mulher: Ele desce e encontra um lauto café esperando por ele.

– Querido, deixei teu café pronto na copa. Fui ao super-mercado. Beijos

Pergunta ao filho:

– O que aconteceu ontem?

– Bem, pai, você chegou as 3 da madrugada, completamente bêbado, vomitou no tapete da sala, quebrou móveis, mijou no guarda-roupa e machucou teu olho ao bater na porta do quarto.

– E por que está tudo arrumado, café preparado, roupa passada, aspirinas para a ressaca e um bilhete amoroso da tua mãe?

– Bem, é que você desmaiou no chão. Mamãe te arrastou até a cama e quando estava tirando tuas calças, você começou a se debater e gritar: “Xô, Tire a mão! Não faça isso moça! Eu sou casado!”

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: